sexta-feira, maio 02, 2008

Equilíbrio

Não imaginam como foi bom para mim ler os vossos comentários de apoio e de compreensão para com a minha mudança de pensamento! A sério, nunca pensei que da vossa parte houvesse este entendimento, pois vejo-as tão atarefadas no cumprimento desse sonho que é ser mãe, que por momentos pensei que iam achar que eu era uma insensível! Obrigada! Mil vezes obrigada! Estou muito calma em relação a este problema - que não é um problema, de facto - sei que ser mãe é apenas uma questão de tempo e aprendi a viver com essa ideia, aprendi a esperar e a aproveitar aquilo que a vida me oferece em retorno! E são tantas coisas: o carinho, o amor, a amizade, o divertimento, a simples alegria de estar viva e de me sentir viva! Há tanto tempo que não me sentia assim! Sofri tanto estes anos! Não quero sofrer mais! Recuso-me! Tentem fazer o mesmo! A sério! Bom fim-de-semana para todas!

9 comentários:

Susana Pina disse...

Gosto muito de te "ver" assim...
Eu bem tento pensar e agir dessa forma, mas ainda não consigo, são muitos anos a dedicar-me a ser mãe, não é fácil deixar tudo para tràs, eu bem queria, mas...
Um enorme bj
susana

Angel disse...

Ola o teu último post cheira a ar fresco, hummm que brisa primaveril, brisa de vida!
Estou contente por ti
Bjsssssssssssssssssssssssss!

Sonia&Mi disse...

Como te compreendo.
Há dois anos o sentimento foi o mesmo, cheguei mesmo a deixar de vir aos blogs, pq cada positivo que via me deixava feliz mas angustiada, por não ser eu. Depois de o ter feito, de ter vivido o meu tempo de egocentrismo, engravidei mesmo quando não esperava.
Faz bem, tornamo-nos menos ansiosas, espectantes.

Boa sorte!
:D

zanita disse...

Um beijinho muito grande para ti e muita força, mas nunca desistas de ser mãe....

Um xi coração apertadinho

Mara disse...

Gosto de te ver bem. Ser mãe é mesmo uma questão de tempo, por isso aproveita o que está ao teu redor.

Bj grande

Anna72 disse...

Gostei! É assim mesmo! ;)

Acho que ainda vou escrever um post sobre isto :P

Beijocas

Carla disse...

Sabes querida,

eu houve uma altura em que começei tb a pensar e sentir a vida para além da infertilidade. Quando retomei os tratamentos, estava muito mais segura fisica e emocionalmente. Não sei se é a receita, mas que ajuda´, lá isso ajuda
beijo grande e "carpe diem"
Carla

tixa disse...

Excelente!!! às vezes temos de parar para nosso bem e olhar em volta, para a vida além da infertilidade.
Bjcs enormes

Micas disse...

Apesar de andar por aqui sem tempo para comentários....estou muito feliz pela tranquilidade que "atravessas" neste momento. Vai ser muito bom para ti...para vocês.

Ainda há pouco tempo uma amiga perguntou-me se eu via a minha vida sem filhos, a resposta foi: "Sim"!! Apesar de andar na "luta" e de querer tentar até à máxima possibilidade...a minha definição de Felicidade não passa só por ter filhos...esta Vida é única e temos de a aproveitar da melhor maneira.

Por isso..."continua a ser Feliz contigo própria para depois o seres com os outros".

Opssss....desculpa o longo comentário!! :-)

Beijinhooos,
Inês